NOTÍCIAS
Actualidades do IPP
2 Dezembro 2015 | Vista 3346 vezes |

SABIA QUE O COMANDANTE PEDRO PIRES JÁ FOI OKU DAPAA, CIDADÃO GANÊS?


O Comandante Pedro Pires, esteve, de 19 a 23 de Novembro de 2015, na cidade de Acra, no Gana, onde participou nas actividades realizadas no âmbito do Mo Ibrahim Governance Weekend.

Num jantar de angariação de fundos para o Instituto Pedro Pires para a Liderança (IPP), o Comandante Pedro Pires revelou um pouco das suas ligações com o Gana. 

Visitei pela primeira vez o Gana há cerca de 54 anos. Era um jovem patriota que buscava a libertação do seu país. Não estava só. Éramos cerca de 50 jovens, cabo-verdianos e angolanos. De Acra, dispersámo-nos por Brazzaville, Leopoldville e Conacri. Fui para Conacri a fim de me juntar ao PAIGC. Durante a nossa estada no Gana, fomos recebidos pelo Presidente Kwame Nkrumah, o que reforçou o nosso entusiasmo patriótico e a nossa determinação em prosseguir a luta que, então, tínhamos acabado de iniciar. Voltei ao Gana dois anos depois para frequentar uma formação política, em Wineeba, numa escola do CPP. Além do mais, utilizei durante quatro anos um passaporte ganês. O meu nome ganês era Oku Dapaa. 14 anos depois, em 1975, o meu país ganhou a independência. Participei entusiasticamente na construção do novo Estado soberano. Fui Primeiro-Ministro, líder da oposição e Presidente da República. Agora, estou reformado. Continuo, porém, activo. Voltando aos propósitos que me têm animado: antes, eram a libertação, a construção do País e do seu Estado; agora, trabalho na promoção de novas capacidades de liderança para os jovens do meu país. Quero que haja uma governança mais competente, mais eficiente e mais justa. E, para realizar estes propósitos, criei o Instituto Pedro Pires para a Liderança”.

Menu Top